www.astronomiaamadora.net
Home | História | O Sistema Solar | O Universo | Astronáutica | Biografias | Download | Telescópio Hubble
  Ofertas Shopping UOL Binóculo no Shopping UOL Oculares no Shopping UOL Lunetas no Shopping UOL Telescópios no Shopping UOL  
 

 

COMETAS

Cometas célebres

Núcleo do Cometa Halley, fotografado em 1986 O Cometa Halley

O cometa Halley é um cometa brilhante de período intermediário que retorna às regiões interiores do sistema solar a cada 76 anos, aproximadamente. Sua órbita em torno do Sol está na direção oposta à dos planetas e tem uma distância de periélio de 0,59 unidades astronômicas; no afélio, sua órbita estende-se além da órbita de Netuno. Foi o primeiro cometa a ser reconhecido como periódico, descoberta feita por Edmond Halley em 1696.

 
hr
O cometa West, um dos mais brilhantes do séc. XX O Cometa West

O Cometa West, cujos nomes oficiais são C/1975 V1, 1976 VI, e 1975n, foi uma espetacular cometa, que alguns especialistas consideraram pertencer à categoria de "grandes cometas".

Foi descoberto fotograficamente por Richard M. West, do Observatório Europeu do Sul, em 10 de agosto de 1975 e atingiu o seu pico de brilho em março de 1976, com uma magnitude de -3 no periélio. Segundo os observadores, o seu máximo brilho era tal que podia ser estudado durante o dia.

 
hr
Cometa Hale-Bopp, o Grande Cometa de 1997O Cometa Hale-Bopp

O Hale-Bopp, ou C/1995 O1, foi um dos maiores cometas observados no século XX e um dos mais brilhantes da segunda metade do século XX. Pôde ser contemplado à vista desarmada durante 18 meses, quase o dobro do tempo do Grande cometa de 1811. Foi descoberto a 23 de Julho de 1995 a uma grande distância do Sol, criando-se desde logo uma grande expectativa de que este seria um cometa muito brilhante quando passasse perto da Terra. Foi denominado o "Grande Cometa" de 1997.

 
hr
Cometa HyakutakeO Cometa Hyakutake

O Cometa Hyakutake (formalmente designado C/1996 B2) é um cometa descoberto em Janeiro de 1996, que passou muito perto da Terra no mês de Março desse mesmo ano. Foi considerado o maior cometa de 1996, e um dos cometas que passaram mais perto do planeta Terra nos últimos 200 anos, o que fez com que fosse facilmente observado no céu nocturno sendo visto por um grande número de pessoas em todo o mundo.

 
hr
Núcleo do cometa Tempel 1; Cortesia: NASAO Cometa Tempel 1

Tempel 1 ou mais formalmente denominado de 9P/Tempel 1 é um cometa periódico que foi descoberto em 3 de Abril de 1867 por Ernst Wilhelm Leberecht Tempel, um astrônomo da antiguidade que trabalhava em Marseille, França. Este cometa foi atingido por um impactador lançado pela sonda Deep Impact da NASA, em 4 de Julho de 2005.

 
hr
Amostra dos fragmentos do núcelo do cometa Shoemaker-Levy 9, que se chocou contra Júpiter em 1994O Cometa Shoemaker Levy 9

O cometa Shoemaker-Levy 9 (SL9, formalmente designado D/1993 F2), foi um cometa que se rompeu e colidiu com Júpiter, em julho de 1994, fornecendo a primeira observação direta de uma colisão extraterrestre entre objetos do Sistema Solar. Isso gerou uma grande cobertura na mídia popular, e o SL9 foi atentamente observado por astrônomos em todo o mundo. A colisão forneceu novas informações sobre Júpiter e destacou o seu papel na redução de detritos espaciais no interior do Sistema Solar.

 
hr
Chuva de meteoros provocada pelos restos do cometa BielaO Cometa Biela

O Cometa Biela (designação oficial 3D/Biela) foi registrado pela primeira vez em 1772, por Charles Messier. Também foi registrado em 1805 por Jean-Louis Pons, mas não foi reconhecido como o mesmo objeto. Foi Wilhelm von Biela quem observou seu retorno de 1826 em sua aproximação do periélio (em 27 de Fevereiro) e calculou sua órbita, descobrindo que era periódico, com um período de 6,6 anos. Era o terceiro cometa (à época) que se sabia ser periódico, depois dos cometas mais famosos Halley e Encke.

 
hr
Cometa EnckeO Cometa Encke

O Cometa Encke oficialmente denominado de 2P/Encke, tem seu afélio próximo a órbita de Júpiter. O periélio esta dentro da órbita de Mercúrio. Foi o segundo cometa periódico descoberto, após o cometa Halley. Este cometa tem o menor período de translação conhecido, aproximadamente 3,31 anos. Em razão da sua inusitada órbita não-parabólica, as tentativas iniciais de calcular seus elementos esbarraram em dificuldades.

 
hr
Cometa McNaught, o mais brilhante, até o momento, do Séc. XXIO Cometa McNaught

O Cometa McNaught foi a maior surpresa nos últimos 40 anos na astronomia. Descoberto em 7 de Agosto de 2006, se transformou no mais brilhante cometa das última décadas, até mesmo superando o brilho da última aparição do Cometa Halley. O cometa nos dias 13 e 14 de Janeiro de 2007 atingiu a magnitude aparente de -6.0, sendo vísivel na luz do dia.

 
 

Ir para:

 Voltar para "O Sistema Solar"
Bookmark and Share
2009 - Ano Internacional da Astronomia
 

Principal

Outros conteúdos

Sobre nós...

Assine nosso Feed RSS
© 2017 Astronomia Amadora.net - Todos os direitos reservados